Anthony Modeste: o intruso entre Lewandowski e Aubameyang

(por Raniery Medeiros)

O atual cenário de disputa da Bundesliga evidencia poucas novidades quando relatamos a briga pelo título. O Bayern, para variar, encaminha-se para mais uma conquista – o pentacampeonato. No entanto, ao entrarmos no aspecto individual, mais precisamente na concorrência pela artilharia, a situação torna-se totalmente parelha. Nos acostumamos com os embates entre Robert Lewandowski e Pierre-Emerick Aubameyang. Menosprezo aos demais jogadores? Não! Apenas o devido valor a dois goleadores que estão acima da média. Mas é preciso registrar que, mais recentemente, tivemos Klaas-Jan Huntelaar, Stefan Kiesling e Alexander Meier como máximos artilheiros do campeonato alemão. Voltando à temporada 2016/2017, Anthony Modeste é o intruso da vez. Empatado com Aubameyang (17 gols), e um gol à frente de Lewandowski, chegou a hora de mostrar que possui força até o fim da temporada.

Características

Principal jogador do Colônia, o francês chama atenção pelo porte físico, por saber sair da área, abre espaços aos companheiros vindo de trás, além do faro de gol. Todo este bom desempenho não é de hoje, pois ainda pelo Hoffenheim formou um poderoso trio de ataque com Roberto Firmino e Kevin Volland. Aliás, a sintonia entre os três rendeu jogadas plásticas, tabelinhas e muitos gols. Anthony Modeste nasceu para balançar as redes.

Lutar, rodada após rodada, com Lewa e Auba não é fácil. É preciso regularidade e frieza para não desperdiçar as chances. A boa campanha dos Bodes passa pelos pés deste centroavante com a camisa 27 às costas. Dos 30 gols anotados pelo Colônia, 17 foram de Anthony. Ou seja, mais de 50%. Disputando sua segunda temporada pela equipe, mantém a regularidade. O momento é tão sublime, que o atleta superou sua marca pessoal na Bundesliga, alcançada em 2015/2016, ao anotar 16 tentos. Quando domina, gira e coloca na frente, pode ter certeza de que o francês não perdoará.

Foi assim contra o Hamburgo, quando fez três gols e, mesmo perdendo um pênalti, bagunçou a defesa adversária.

Outra partida memorável, no aspecto tático e técnico, ocorreu no empate com o Bayern. Nosso homenageado superou Manuel Neuer com um gol acrobático, empatando o jogo.

Talento não tão badalado

Modeste fica longe dos holofotes, sem tanto reconhecimento. Não faz mal. Ele alia força e técnica com o propósito de ludibriar e vencer a batalha contra os bons zagueiros que atuam na liga alemã. O francês terá 13 partidas para superar a marca expressiva de Lukas Podolski, que em 2011/2012 balançou fez 18 gols. Detalhe: o time foi rebaixado. Alguém dúvida de sua capacidade para pulverizar este desafio?

Poucos jogadores conseguiram se adaptar tão bem ao campeonato alemão como Anthony Modeste. Sim, atuar por Hoffenheim e Colônia retira um pouco da pressão que o mesmo sofreria caso atuasse pelo Bayern ou Dortmund. Mas, ao analisarmos a gama de opções de seus concorrentes, passamos a admirar cada vez mais o trabalho deste francês bom de bola. O intruso já colocou o carro de lado, e mediante suas ótimas atuações comprova que Aubameyang e Lewandowski precisam tomar muito cuidado caso almejem a artilharia da Bundesliga.

Modeste é matador!